Desafios e tendências em Data Center para 2017

Atualmente, com o crescimento exponencial da tecnologia cloud, a modernização dos recursos e serviços computacionais no ambiente de Data Center tornou-se essencial para qualquer empresa que deseja manter-se no mercado de forma competitiva. Apesar de estarmos no começo de um ano inconstante e desafiador, por diversos fatores econômicos e políticos, a tecnologia mantém seu crescimento moldando novas soluções para os negócios, a fim de reduzir custos e potencializar suas estratégias.

De acordo com o instituto Gartner, mais da metade dos líderes de infraestrutura, operações e Data Center enfrentaram desafios financeiros em 2016. Dentro deste contexto, explorar oportunidades de um ambiente distribuídovirtual dinâmico que ofereça maior valor aos negócios se faz cada vez mais necessário.

A Era da Web

Estamos vivenciando um período de transformação digital, onde toda informação e seu gerenciamento está migrando para a web, permitindo o crescimento de sistemas e serviços que utilizam recursos na nuvem. Estudos apontam que até o ano de 2020 uma política corporativa “sem nuvem” será tão rara quanto uma política “sem internet” seria hoje em dia.

Por isso, é fundamental que sua empresa se atente aos novos recursos tecnológicos, visualizando quais aspectos são essenciais para acompanhar as tendências e desafios do mercado de infraestrutura, operações e Data Center.

Tendências para o ambiente de Data Center 

1. A expansão da TI distribuída

Com o aumento da necessidade de conectividade de dispositivos móveis e o acesso rápido a dados e informações, a internet das coisas (IoT) tem proporcionado uma revolução no conceito de conectividade, aproximando os recursos de TI aos usuários. Embora o Data Center tradicional se mantenha fundamental para a distribuição de aplicações e serviços, cresce a cada dia a importância de micro Data Centers e network closets (equipamentos de rede gerenciáveis e operáveis remotamente). Essa mudança se deve à proliferação de sensores IoT e outros dispositivos que exigem o acesso rápido e dinâmico às informações. Em resposta a essas mudanças, as corporações se voltarão para soluções pré-configuradas de micro Data Centers que suportam implementações rápidas permitindo a escalabilidade de recursos computacionais sob demanda. Outra resposta é a maior padronização e o gerenciamento remoto em localizações de TI distribuídas.

2. O Gerenciamento térmico alinhado à sustentabilidade

A preocupação com o gerenciamento térmico no ambiente dos Data Centers sempre existiu para as empresas, por ser um dos principais vilões no custo das operações. Por isso que nos últimos cinco anos a refrigeração apresentou mais mudanças do que qualquer outro sistema de Data Center, impulsionados pela flutuação nos custos de energia, os operadores de Data Centers estão personalizando o gerenciamento térmico com base na sua localização e na disponibilidade de recursos.

3. A segurança cibernética como prioridade máxima

A segurança no ambiente dos Data Centers sempre foi uma questão de prioridade a fim de garantir a confidencialidade, integridade da informação e disponibilidade dos serviços. Porém, à medida que mais dispositivos são conectados para permitir um gerenciamento e automação simplificados, as possibilidades de ameaça também aumentam. Os índices de violações de dados e paralisação de serviços têm se tornado uma realidade cada vez mais preocupante para as empresas. Devido a isso, os profissionais de Data Center estão incluindo segurança no topo de sua crescente lista de prioridades, buscando soluções que os ajudem a identificar vulnerabilidades e aprimorar a resposta aos ataques. Gateways de gerenciamento que consolidam dados de múltiplos dispositivos para suportar DCIM (Data Center Infrastructure Management, sistemas de gerenciamento da infraestrutura do Data Center) estão surgindo como potencial solução. Com algumas modificações, eles são capazes de identificar portas inseguras ao longo da infraestrutura crítica e enviam alertas antecipados de ataques de negação de serviço (DDoS).

4. DCIM  – a última fronteira rumo à eficiência

O DCIM vem mostrando o quanto é essencial no gerenciamento de um Data Center. Essa visão vem tanto de sua capacidade de resolver problemas quanto por sua habilidade de gerenciar, cada vez mais, o complexo ambiente do Data Center. As empresas estão utilizando o DCIM para superar desafios como a conformidade regulatória, o suporte ao Information Technology Infrastrutcture Library (ITIL) e o gerenciamento de ambientes híbridos. Além disso, a tecnologia DCIM é uma valiosa ferramenta para analisar seus custos por cliente, ao mesmo tempo em que fornece aos seus clientes visibilidade remota de seus ativos.

5. Alternativas para o sistema de energia

Reduzir o peso e custo das baterias convencionais de chumbo-ácido utilizando novos recursos para solucionar este elo fraco nos sistemas de energia de Data Centers, está se tornando cada vez mais presente e atraindo as atenções das empresas. A utilização de baterias de íons de lítio é uma alternativa que tem ganhado muita viabilidade em relação a custo e benefício. Outra alternativa que vem crescendo a cada ano é a utilização de energias renováveis, tornando as aplicações de armazenamento de energia cada vez mais atraentes ao mercado.

6. Novas estratégias aceleram a implantação de Data Centers

A integração da tecnologia no desenvolvimento de ambientes de Data Center tem sido determinante para a otimização de prazos e a redução de custos de implantação. Optar por soluções integradas, modulares, que possam ser rapidamente implementadas, facilmente expandidas e eficientemente operadas se tornou uma tendência do mercado. As organizações perceberam, ao longo dos anos, que a utilização de metodologias tradicionais, que consistem em isolar as fases de engenharia e construção, se tornou  um método improdutivo e pesado. Como resultado, o mercado está abraçando uma nova estratégia que tira o máximo proveito de projetos modulares integrados, construção off-site e gerenciamento disciplinado de projeto, garantindo a construção de Data Centers mais estruturados e projetados em prazos mais curtos.

O cenário tecnológico para este ano de 2017 apresenta-se de forma muito promissora, ficando clara a importância de o mercado evoluir para alinhar-se a essas novas tendências, buscando inovar suas estratégias para vencer desafios com soluções que visem reduzir custos, ampliar a disponibilidade e eficiências de seus serviços.

Agora que já falamos um pouco sobre os desafios e tendências em Data Centers, veja nossas 5 dicas para implementar soluções tecnológicas de forma segura e eficiente AQUI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Enviar mensagem
Fale com o nosso especialista
Olá, como podemos ajudar?