Últimas Notícias e Artigos

 As Assembleias e a Pandemia: o que mudou?

As Assembleias são parte fundamental das empresas e cooperativas, sendo o momento em que todos os seus membros da administração debatem coletivamente objetivos e necessidades da organização.

Frente a Pandemia do novo Coronavírus, foi sancionada em julho de 2020 a Lei 14.030/2020, que reconheceu a possibilidade dos associados participarem das Assembleias à distância, de modo digital, devido a nova dinâmica social de isolamento.

A partir disso, muitas empresas e cooperativas já vem adotando essa prática e inserindo o conceito entre seus colaboradores, porém, como todo novo processo, se adaptar a essa realidade demanda empenho e informação.

É importante que a cooperativa perceba que a finalidade das Assemgleias não mudou, apenas a forma de realização das mesmas que agora é diferente. Sendo assim, as Cooperativas continuam obrigadas a realizar a convocação com dez dias antecedência, salvo se o estatuto social dispuser prazo maior, que deverá ser publicada normalmente de forma tríplice, nos termos do art. 38, §1º da Lei 5.764/71. O mesmo se dará para os quóruns de instalação legalmente estabelecidos, bem como deliberação das pautas da ordem do dia – a condução pelo presidente será da mesma maneira que nas assembleias presenciais. 

Precisamos levar em consideração que toda mudança exige um tempo para adaptação e as dificuldades serão reveladas com a prática. Contudo, a realização das assembleias de forma digital tende a proporcionar um maior engajamento e participação dos membros da cooperativa, já que eles poderão participar de qualquer lugar e sem se expor a riscos de saúde tendo em vista a Pandemia.

Para cooperativas que possuem cooperados em diversas regiões, este formato também representa uma economia grande com deslocamentos, visto que pelo meio digital, as Cooperativas poderão ampliar sua área de admissão de cooperados sem grandes gastos. Antes, havia um obstáculo legal, já que a Lei 5.764/71 exige que a área de admissão seja limitada às possibilidades de reunião. Como agora as reuniões podem ocorrer por meios digitais, esta questão está superada. 

Já existem hoje, empresas especializadas na condução destas assembléias virtuais, oferecendo todo o tipo de suporte e ferramentas necessárias para que o processo se torne simples e se enquadre dentro de todos os requsitos da Lei.

A Ten Meetings foi a pioneira neste assunto, tendo hoje mais de 50 cases de sucesso, entre empresas como Eletrobras, Tupy, Eucatex, Trevisa, Schulz, Banco Mercantil, GPA, Heringer, Taesa, CESP, Valid, Track and Field, C&A, entre outros.

Abaixo você encontrará um vídeo falando um pouco mais sobre a Ten Meetings, além de um botão que lhe permitirá agendar uma demonstração gratuita de nossos serviços de Assembleias Digitais.